Aparelho dispara mensagens para números cadastrados e lembra ao usuário sobre remédios e consultas médicas.

Idosos e deficientes físicos, que normalmente tomam muito remédios e estão mais propensos a quedas, podem contar, agora, com a ajuda de um aparelho de telefone celular para pedir socorro e ser avisado sobre a hora do medicamento. O aparelho tem um sensor que identifica quando o portador cai. Ao ser acionado, torpedos são disparados para cinco telefones previamente cadastrados pelo usuário. Se as mensagens não forem respondidas, ligações são feitas para os mesmos números.

O aparelho também lembra ao idoso como está seu estoque de remédios, além dos dias e dos horários das consultas médicas, assim como os exames que devem ser levados.

Se o telefone simplesmente cai no chão sozinho, o alarme de emergência não é acionado. Por isso, recomendamos que se utilize pendurado no pescoço, com um cordão que fornecemos, pois assim a queda da pessoa com o aparelho é detectada e o alarme disparado, enviando mensagens — explicou Armando Kilson, consultor da Cell Design, que criou o aparelho.

Por enquanto, o celular é vendido apenas pela internet www.celldesign.com.br e custa a partir de R$ 685. O aparelho é desbloqueado. Logo um chip de qualquer operadora pode ser utilizado nele. A CellDesign, porém, já negocia com operadoras a exclusividade de venda.

FONTE

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...