A dança de salão (ou dança social) é aquela praticada por casais em reuniões sociais de forma alegre buscando a confraternização. Além disso, é uma expressão tradicional da cultura popular brasileira.

Às pessoas que se dedicam à dança de salão diversos benefícios são visíveis: quando praticada com freqüência, é uma espécie de ginástica aeróbica de impacto reduzido, ótima para manter a forma física de indivíduos de todas as idades e condicionamentos físicos; permite maior aproximação entre as pessoas, favorecendo o contato social e as amizades; ajuda no desenvolvimento psicomotor, melhorando o processo de respiração, a postura, o equilíbrio, a agilidade dos reflexos e a coordenação motora; contribui para o autoconhecimento e a desinibição; estimula a criatividade e a auto-expressão. Resumindo: é um lazer saudável que traz benefícios ao corpo e à mente.

Sabemos que a manutenção de uma forma física saudável e de uma vida social ativa são essenciais para a saúde e a longevidade dos idosos. Na terceira idade a dança pode ser considerada uma verdadeira terapia. Ela proporciona movimento regular e sem grande esforço somado ao convívio saudável com mais pessoas, em ambiente adequado, com música e alegria. Os bailes destinados à terceira idade geralmente são organizados em horários adequados (por exemplo, à tarde). Assim os idosos podem manter sua independência indo ao evento sem a necessidade de acompanhantes e não tendo prejudicado seu horário de sono. Festas de aniversário, assim como a realização de bingos, de concursos e de sorteios de brindes nos bailes tornam-se um atrativo extra, estimulando ainda mais o estabelecimento de novas relações de amizade.

Mesmo que a maioria das pessoas com mais de 60 anos já tenham ido a bailes no passado, é comum que tenham abandonado esta atividade há anos. Geralmente estas pessoas buscam fazer aulas de dança para se reciclarem, aprender passos de diversos ritmos que estão na moda e conhecer pessoas com quem dançar e ir aos bailes. Para os idosos, fazer aulas de dança de salão não só representa um primeiro passo para conhecer pessoas novas e buscar divertimento, como também sentirem-se mais seguros para participarem de bailes e diversos eventos sociais.

Jussara Vieira Gomes
Historiadora e Antropóloga
Dançarina e Pesquisadora de Dança de Salão

Fonte: Dance A Dois

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...